26.1.09

Aniversário Mãe Sandra

video

Resumo das actividades do ano

video

23.1.09


GRATOS A DEUS

“ E sejam agradecidos a Deus em todas as ocasiões. Isso é o que Deus quer de vocês, por estarem unidos com Cristo Jesus.” (I Tes. 5.18)
12 Dizendo: Amém. Louvor, e glória, e sabedoria, e acção de graças, e honra, e poder, e força ao nosso Deus, para todo o sempre. Amém. (Apoc. 7:12)

Quando falamos de gratidão, o nosso pensamento volta-se para o agradecimento. A demonstração de agradecimento dá se quando normalmente se recebe alguma coisa de alguém. É importante lembrar também que muitas pessoas são ingratas. Muitas das vezes elas não conseguem demonstrar esse sentimento tão importante que Deus colocou no homem; a gratidão.
Como servos de Deus, temos sido gratos a Ele? A mensagem de hoje, traz algumas razões pelas quais nós os servos de Deus devemos ser gratos a Ele.
Devemos estar gratos a Deus, porque ele é a fonte de todas as coisas boas.
Diz a Palavra no livro de Tiago cap. 1:17, “Toda a boa dádiva e todo o dom perfeito vem do alto, descendo do Pai das luzes, em quem não há mudança nem sombra de variação.
No evangelho de Mateus no cap. 6:30-34, Jesus afirma-nos que apesar das aflições e incertezas da vida, Deus prometeu providenciar sempre os nossos alimentos, o nosso vestuário e todas as outras necessidades.
Devemos ser gratos a Deus, porque Ele nos fez de forma especial.
No livro de Gênesis cap.1.26, gostava de destacar duas verdades importantíssimas, que enfatizam o facto de termos sido criados de forma tão especial.
A primeira verdade prende-se com o facto de Deus nos ter criado únicos.
Já parou para pensar neste grande milagre que Deus realizou em sua vida? Não há ninguém no mundo que seja igual a si. Mesmo os gémeos chamados uni vitelinos, ou seja, aqueles que são gerados numa única placenta, são diferentes. Isto revela que somos importantes para Deus! Ele nos fez únicos! Somos especiais para Ele. Agradeçamos a Deus, pelo seu cuidado especial em nos criar únicos no mundo.
A segunda verdade é que Deus nos fez semelhantes a Ele.
A Bíblia diz que Deus nos fez “conforme a Sua imagem e semelhança”. Esta semelhança não é física porque Deus é Espírito. Portanto, não tem forma. Somos semelhantes a Deus, porque quando fomos criados, Ele colocou em nós características Dele. Deus é Amor; nós também fomos criados com a capacidade de amar. Deus construiu todo o universo; o homem também tem a capacidade de construir, projectar inventos e outros. Deus criou o homem para relacionar-se com Ele; o homem não consegue sobreviver sem se relacionar. É nesse sentido que somos semelhantes a Deus.
Entende porque é que fomos feitos por Deus de forma especial?
Agradeçamos a Ele, pois nossa vida é um milagre! Deus é merecedor do nosso agradecimento.
Também devemos ser gratos a Deus, porque Ele nos amou primeiro.
Paulo sempre dava graças a Deus por todas as coisas, mas enfatizava a graça de Deus na sua vida (ICor. 1:4; Col. 1:12). E assim deve ser connosco, o nosso estilo de vida deve centrar-se numa vida agradecida a Deus, pois só assim poderemos enfrentar os desafios muitas vezes difíceis com que nos deparamos.
É interessante que uma das características da ceia do Senhor é o agradecimento pela dádiva de Deus, que nos permitirá encontrar Cristo e toda a sua Igreja.
Leiamos João 3.16. Este Versículo é considerado por muitos como o coração da Bíblia. Isto, porque, nele encontramos todo o querer de Deus para com o homem, obra prima da Sua Criação. Toda a Bíblia se interliga com este maravilhoso versículo. Nele, encontramos a grande verdade do amor de Deus. Amor este incondicional. Deus não esperou que nós O amássemos, para nos amar; pelo contrário, ao ver o homem caído, afastado Dele, por causa do pecado, (Rm 3.23) Ele dá ao homem a maior prova de amor que este podia esperar. Deus deu o Seu único Filho, Jesus para vir ao mundo morrer para trazer salvação ao homem perdido. Deu amou o mundo... Deus o ama! A Salvação de Deus é para todos os homens! Agradeçamos ao Senhor porque Ele nos amou primeiro.
Devemos ser gratos a Deus, porque temos uma família especial na terra; a Sua Igreja.
Paulo aos Efésios afirmou o seguinte: “Não cesso de dar graças a Deus por vós, lembrando-me de vós nas minhas orações (Ef. 1:16)
Quando nos apercebemos o quão importante é para nós o corpo de Cristo e quando passamos a ter uma atitude (um estilo de vida) de gratidão passamos a ser mais felizes! Na nossa vida passa a existir pouco espaço para a murmuração, centralizamo-nos nos aspectos positivos que todos os salvos em Jesus possuem.
Em Mateus 16.18. falamos na rocha e esta rocha é Jesus. A Igreja do Senhor Jesus está edificada sobre Ele mesmo, e as portas do inferno não prevalecem contra a Sua Igreja. Todo aquele que aceita Jesus como Salvador, passa a fazer parte desta maravilhosa família, composta daqueles que foram salvos por Jesus. É um grande privilégio, podermos fazer parte desta maravilhosa família que caminha para os céus. O nosso viver diário deve reflectir o agradecimento, por pertencermos a esta especial família lavada e remida pelo sangue de Jesus.
Devemos ser gratos a Deus, porque em Cristo Jesus, somos mais do que Vencedores.
Paulo dava graças a Deus porque “sempre nos faz triunfar” (2 Cor. 2:14), e é verdade seja na alegria ou na adversidade, com Jesus sempre podemos triunfar, Ele mesmo disse “…no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo”.
Muitas pessoas pensam que se aceitarem a Jesus como Salvador, elas ficarão livres das lutas. Não é isto que a Palavra de Deus nos ensina. Jesus nos mostra no versículo que lemos que no mundo nós teríamos aflições. Contudo, como seus filhos, devemos ter bom ânimo, pois Ele venceu o mundo. Com Jesus temos vitória sobre a própria morte!

Aos Corintios 15:57 diz “Mas graças a Deus que nos dá vitória por nosso Senhor Jesus Cristo”
Será que temos sido gratos a Deus? A nossa vida tem expressado gratidão a Deus? Se ainda não temos experimentado esta realidade na nossa vida, precisamos começar agora! Pois esta é a vontade de Deus, que sejamos gratos a Ele.